Criadores & Criaturas



"Penetra surdamente no reino das palavras.
Lá estão os poemas que esperam ser escritos.
Estão paralisados, mas não há desespero,
há calma e frescura na superfície intata.
"

(Carlos Drummond de Andrade)

ENVIE SUA FOTO E COLABORE COM O CARIRICATURAS



... Por do Sol em Serra Verde ...
Colaboração:Claude Bloc


FOTO DA SEMANA - CARIRICATURAS

Para participar, envie suas fotos para o e-mail:. e.
.....................
claude_bloc@hotmail.com

sexta-feira, 15 de abril de 2011

O MASSACRE DE REALENGO


 
Disse que ia fazer uma palestra
e puxou dois revólveres
– as armas falam mais alto que a língua.

Atirou sessenta e seis vezes:
doze crianças caíram mortas na hora.
e outras doze foram feridas, algumas gravemente,

Um policial lhe deu um tiro na barriga,
ele suicidou-se em seguida.

Na mochila um papel com instruções
de como devia ser enterrado:
sem que mãos impuras o tocassem.

A dor nem a loucura justifica.
As crianças morreram na flor da vida,
como flores cortadas antes da hora.



3 comentários:

Claude Bloc disse...

Texto emocionante, José Carlos.

Abraço,

Claude

Carlos Rafael disse...

Emocionante, repito. E, apesar do pesar, lindo poema. Uma lição para nós, pais & filhos.

"E que Deus salve todos nós..."

Marcos Barreto de Melo disse...

Brandão,

Gostei muito do seu texto.
abraço,
Marcos